Nota de repúdio

Nota de repúdio

 O Sindicato dos Trabalhadores de Parobé vem, publicamente, comunicar a todos a sua indignação, perplexidade e repúdio diante das demissões ocorridas no dia 08 de agosto de 2014 dos 138 trabalhadores da Vulcabrás Azaleia – unidade de Parobé.

Sentimos-nos extremamente preocupados com a atual situação do setor do calçadista no município, pois apesar de Parobé ser reconhecida pela qualidade da mão-de-obra, tem sofrido com o crescimento do desemprego. Referimo-nos não apenas à Vulcabras Azaleia, mas também a outras empresas do município que vem demitindo trabalhadores.

Em menos de três meses foram quase 400 pessoas que perderam seus postos de trabalho, por isso nos posicionamos CONTRA o desemprego na cidade de Parobé.  A nossa luta e reivindicação é por direitos, melhorias, bem-estar do trabalhador e pela preservação dos postos de trabalho no nosso município.

João Nadir Pires- Presidente do Sindicato dos Trabalhadores de Parobé

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *